sexta-feira, 17 de julho de 2009

«CAPITÁN MIRANDA»


Veleiro-escola da armada do Uruguai. Foi construído em Espanha (Julho de 1930), nos estaleiros navais da S.E.C.N., como navio de estudos hidrográficos. Mas uma vez terminado, foi vendido à marinha militar do estado sul-americano supracitado. É um pequeno, mas elegante navio de três mastros, com 60,20 metros de comprimento por 8 metros de boca, que pode arvorar uma superfície vélica de 722 m2. O nome que orgulhosamente ostenta presta homenagem a Francisco Prudencio Miranda, um eminente oficial da marinha, hidrógrafo, historiador e ficcionista uruguaio. A sua guarnição é normalmente constituída por 12 oficiais, 39 sargentos e praças e 26 guarda-marinhas. O seu porto de registo e de abrigo é o de Montevideu.

Sem comentários:

Publicar um comentário