sexta-feira, 17 de julho de 2009

«BLANCHE-NEF»


Navio mercante normando do século XII. Naufragou, no dia 25 de Novembro de 1120, junto à costa do Contentin (perto de Barfleur, Normandia), por ter chocado contra os recifes. No desastre morreu a fina flor da nobreza anglo-normanda (cerca de 300 pessoas), incluindo Guilherme Adelin, príncipe herdeiro do trono de Inglaterra; ocupado, ao tempo, por Henrique I Beauclerc. Só dois ocupantes da «Blanche-Nef» (a Nave Branca) escaparam com vida a tão dramático soçobro. Este naufrágio teve como consequência mais gravosa, alterar radicalmente o jogo político da dinastia reinante na Grande Bretanha. Com efeito, os problemas de sucessão provocaram ali -depois da morte de Henrique I- a revolta dos barões, a usurpação do trono e uma guerra civil que duraria 19 longos anos.

Sem comentários:

Publicar um comentário