quarta-feira, 19 de agosto de 2009

«NUMANCIA»


Fragata couraçada da armada espanhola. Foi construída em França, nos estaleiros de La Seyne (perto de Toulon), que a lançaram à água em 19 de Novembro de 1863. Era um navio de propulsão mista (vela/vapor), que deslocava 7 500 toneladas. Media 96 metros de comprimento por 17,30 metros de boca. A sua artilharia era substancial (40 peças), mas de pequeno calibre. A «Numancia» participou em três guerras : naquela que a Espanha suportou contra as suas antigas colónias do Chile e do Perú; na chamada guerra civil carlista; e no conflito contra os nacionalistas rifenhos. Em 1867-1868, foi o primeiro navio couraçado a dar a volta ao mundo, ganhando, nessa ocasião, a sua prestigiosa divisa «Enloricata navis que primo terram circuivit». A «Numancia» foi completamente remodelada em 1898, ano em que se substituiu a sua artilharia inicial por 8 canhões de 254 mm, 7 de 203 mm e dois tubos lança-torpedos. Em vésperas da Grande Guerra, já a obsoleta fragata couraçada havia sido convertida em navio de treino. Desactivada, pouco tempo depois, foi vendida a um sucateiro de Bilbau, a cujo estaleiro ela nunca chegou, por ter encalhado junto à praia de Sesimbra, quando procedia de Cádiz. Ali se perdeu no dia 17 de Dezembro de 1916.

Sem comentários:

Publicar um comentário