domingo, 16 de agosto de 2009

«LUZO»


Paquete português de propulsão mista (vapor/vela) registado no porto de Ponta Delgada (Açores). Pertencia à Empresa Insulana de Navegação, que o adquirira em Inglaterra, em 1875, ao construtor Bowdler Chaffer, de Seacombe, Liverpool. O «Luzo» deslocava 1 071 toneladas e media 72,10 metros de comprimento por 8,90 metros de boca. O navio, que assegurava a carreira entre as ilhas de Santa Maria e de São Miguel, podia receber a bordo 134 passageiros, distribuídos por três classes. Na noite de 26 de Julho de 1883, quando navegava debaixo de nevoeiro cerrado, o «Luzo» foi encalhar na ponta da Lagoa, não muito longe da cidade de Ponta Delgada, seu porto de destino. Apesar do violento impacto sofrido e do mau estado das baleeiras (que quase todas metiam água), não houve vítimas a lamentar. Já parte da carga transportada foi considerada como perdida; assim como o navio, que só dali sairia desmantelado. Assinale-se que duas corvetas francesas, fundeadas no porto de Ponta Delgada, ajudaram nas operações de salvamento dos náufragos do vapor «Luzo».

Sem comentários:

Publicar um comentário