quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

«TUNAS SAMUDERA»


Navio-escola da marinha real malaia. Este bonito veleiro (que arma em patacho) foi construído, em Lowestoft (Grã-Bretanha), pelos estaleiros da sociedade Brooke Yachts International, Lda. A cerimónia do seu lançamento à água (em 1988) foi apadrinhada pela rainha Isabel II de Inglaterra e pelo rei da Malásia, sultão Azlan Shah. Após as indispensáveis provas de mar, o navio seguiu para o porto de Lumat (no estado de Perak), onde tem a sua base. Foi integrado na armada nacional no ano seguinte. O «Tunas Samudera» desloca 250 toneladas e mede 44 metros de comprimento fora a fora por 7,80 metros de boca. Os seus dois mastros envergam 10 panos com uma área total de 569 m2. O navio (concebido pelo conhecido arquitecto naval e ‘designer’ Colin Mudie) dispõe, além do seu sistema vélico, de 2 motores diesel, desenvolvendo 185 cv. Navega à velocidade máxima de 9 nós. A sua tripulação normal é constituída por 12 oficiais e por 10 sargentos e praças. Pode receber e dar formação a 24 cadetes em simultâneo. O «Tunas Samudera» tem um irmão gémeo : o «Young Endeavour», da marinha australiana. Participou em várias regatas internacionais (como as conhecidas e prestigiosas ‘Tall Ship’s Races’). Entre 2007 e 2008 esteve na Europa, quando realizava (com 46 pessoas a bordo) uma viagem de circum-navegação que durou 410 dias.

Sem comentários:

Publicar um comentário