quarta-feira, 28 de maio de 2014

«ALBUQUERQUE»

Curiosa história (mas não única) a deste navio que, no curto espaço de duas décadas hasteou os pavilhões dos Estados Unidos da América, da União Soviética e do Japão. Construído em 1943 pelos estaleiros Kaiser Cargo Inc., de Richmond (Califórnia), que o lançaram à água no dia 14 de Setembro desse ano, o «Albuquerque» (PF-7) era uma fragata da classe 'Tacoma'; que actuou, durante a Segunda Guerra Mundial, essencialmente em águas do Alasca. Onde participou na defesa desse território e na protecção de comboios de navios cruzando águas das Aleutas e do mar de Bering. Em meados do ano de 1945, no quadro do Projecto Hula, o navio foi transferido para a U.R.S.S., nação que, após a derrota infligida aos nazis, se preparava para entrar na guerra contra o império japonês. Sob a bandeira vermelha da primeira nação comunista, esta fragata utilizou o designativo de «EK-14» e operou como patrulheiro nas águas do Extremo Oriente soviético. Findo o conflito generalizado, o navio foi alvo de negociações para que se efectuasse a sua devolução aos 'states', o que foi feito oficialmente em data do 15 de Novembro de 1949. A tempo do «Albuquerque» participar na guerra da Coreia, que se desenrolou entre 1950 e 1953. Durante este último ano, o navio foi emprestado ao Japão -novo aliado dos E.U.A. naquela região do globo- onde tomou o nome (provisório) de «Tochi» e o número de amura PF-16. Mas, em 1962, já estava, de novo, de volta à armada dos E.U.A., onde, uma vez mais, recuperou o nome que originalmente ostentou em homenagem a uma importante cidade do Novo México. Mas, entretanto, a fragata envelhecera e, três anos mais tarde, acabou por ser desactivada e colocada na lista de navios a eliminar. O que terá acontecido, muito provavelmente, em 1971. Características gerais do «Albuquerque» aquando da sua primeira inclusão na armada dos Estados Unidos : 2 454 toneladas de deslocamento (plena carga); 92,63 metros de comprimento; 11,56 metros de boca; 4,70 metros de calado. Sistema propulsivo : 2 máquinas verticais de tripla expansão, potenciando (cada uma delas) 5 500 shp; 2 hélices; 20 nós de velocidade máxima. Armamento principal : 3 canhões de grosso calibre (3''/50), 4 de 40 mm, 9 de 20 mm, várias calhas de arremesso de cargas de profundidade. Curiosidade : 28 fragatas da classe 'Tacoma' foram emprestadas pelos Estados Unidos, em 1945, à marinha de guerra da União soviética.

Sem comentários:

Publicar um comentário