sábado, 7 de junho de 2014

«MARLBOROUGH»

Este foi o terceiro navio da armada real britânica a usar um nome que prestava homenagem a 'sir' John Churchill, 1º duque de Marlborouh. Pertenceu à classe 'Fame', cujos navios alinhavam 74 canhões de quatro calibres distintos. Lançado à água a 22 de Junho de 1807 pelo estaleiro naval de Barnard, Deptford, o «Marlborough» deslocava 1 754 toneladas e media 53 metros de longitude por 14,50 metros de boca. Uma das suas primeiras missões (senão a primeira) consistiu em escoltar (com outros navios ingleses) a esquadra portuguesa que levou, para o Brasil, no início do século XIX, a família real e a sua corte. Em 1809, este navio participou na segunda expedição contra os Países-Baixos, cujos objectivos eram destruir os arsenais (e outros estaleiros de construção naval) de Antuérpia, Ternezene e Vlissingen e desbaratar a frota napoleónica estacionada neste último porto. Este navio também esteve implicado na guerra anglo-americana de 1813, tendo afundado e capturado vários navios inimigos. Foi também um destacamento do «Marlborough» (constituído por marinheiros e fuzileiros) que, durante esse conflito, desembarcou em Frenchtown (Maryland) e ali destruiu tudo o que tinha algum valor militar. Este navio de linha britânico passou à reserva em 1814, mantendo-se no porto de guerra de Portsmouth até 1835, ano em que foi decidido o seu desmantelamento. Curiosidades : O «Marlborough» está representado numa famosa tela da autoria do artista Geoffrey Hunt, que tomou por motivo principal a nau «Príncipe Real», aquando da chegada da família régia ao Rio de Janeiro. A imagem anexada é a de um navio britânico do mesmo tipo do «Marlborough» e seu contemporâneo.

1 comentário:

  1. Vaporfi is the highest quality electronic cigarettes provider on the market.

    ResponderEliminar