terça-feira, 3 de abril de 2018

«STELLA»

Navio britânico de transporte de passageiros, pertencente à frota da companhia London & South Western Railway. O «Stella» foi construído, em 1890, num dos estaleiros de Clydebank (Escócia)  pela firma J. & G Thompson. Era um navio com uma arqueação bruta de 1 059 toneladas, medindo 77,11 metros de longitude por 10,67 metros de boca. Navegava com a ajuda de 2 máquinas a vapor de tripla expansão, cuja potência lhe permitia deslocar-se à velocidade de cruzeiro de 18 nós. Estava registado no porto de Southampton e assegurava uma linha regular entre esta cidade do sul de Inglaterra e a ilha de Guernesey, no arquipélago anglo-normando. O vapor «Stella» tinha capacidade para transportar 750 passageiros, 240 dos quais alojados em camarotes iluminados electricamente. A companhia armadora do «Stela» rivalizava, em finais do século XIX, com a Great Western Railway e impunha-se à clientela pela apregoada velocidade das suas embarcações, E talvez tenha sido a vontade de reforçar a sua supremacia nesse domínio que, em 30 de Abril de 1899, levou o seu capitão a exigir do «Stella» a velocidade máxima para atingir o porto de St. Peter; desconsiderando, imprudentemente, o espesso nevoeiro que, nesse fatídico dia, pairava sobre o canal da Mancha. Pelo facto de não ter avistado o farol que assinalava a proximidade do porto de destino, o 'ferry' inglês desviou da sua rota e foi esventrar-se contra os rochedos de Casquets. Seriamente atingido, o «Stella» afundou-se em, apenas, 8 minutos. 105 passageiros e tripulantes do pequeno navio (segundo as fontes mais criteriosas) perderam a vida no desastre. Curiosidade : os ingleses chamam Ilhas do Canal (Channel Islands) ao arquipélago anglo-normando, outrora francês.

Sem comentários:

Publicar um comentário