domingo, 23 de fevereiro de 2014

«TRIUMPH»

Deslocando (ao que se disse e escreveu) à volta de 1 100 toneladas, o «Triumph» foi um dos maiores navios ingleses do seu tempo.  Considerado como um galeão, este vaso de guerra da segunda metade do século XVI foi construído em 1562, na Grande-Bretanha, pelos estaleiros de Deptford. Ao tempo, carregava umas 60 bocas de fogo de tipos e calibres diferentes. Durante o reinado de Isabel I, o poderoso «Triumph» foi usado como navio-almirante de Martin Frobisher -um dos grandes marinheiros da Inglaterra renascentista- e contribuiu grandemente para a vitória alcançada, em 1588, contra a Invencível Armada de Filipe II. O «Triumph» sofreu várias reconstruções ao longo da sua vida operacional, que lhe foram alterando a tonelagem e as características físicas. A mais importante dessas transformações foi operada em 1599. O navio ainda navegou até 1618, ano em que uma comissão da marinha real o inspecionou, considerou obsoleto e decretou o seu desmantelamento. O «Triumph», que terá tido uma guarnição de 500 homens (entre marinheiros e soldados), era um navio com 30 metros de comprimento (na quilha) e com 12 metros de boca. Isto segundo uma das raras e divergentes fontes que o citam. Parece ter sido equipado com 4 mastros, nos quais desfraldava pano redondo e latino. Curiosidade : a imagem anexada mostra um galeão isabelino, contemporâneo do navio em apreço.

Sem comentários:

Publicar um comentário