domingo, 15 de outubro de 2017

«HASSAN II»

Este navio de guerra da armada de Marrocos -uma fragata de origem francesa da classe 'Floréal', que usa o número de amura 612- ostenta o nome do pai do actual rei desse país vizinho. Foi construído em França, nos Chantiers de l'Atlantique, de Saint Nazaire, e colocada ao serviço no ano de 2003. Desloca 2 950 toneladas e mede 93,50 metros de comprimento por 10,10 metros de boca por 4,30 metros de calado médio. O seu sistema propulsor (4 máquinas diesel, desenvolvendo uma potência de 8 800 cv) permite-lhe navegar à velocidade operacional de 20 nós e dispor de um raio de acção de 13 000 milhas náuticas com andamento limitado a 12 nós. A guarnição desta fragata é composta por 100 homens, entre os quais figuram 7 oficiais. Do seu armamento principal constam 1 canhão de 100 mm, 2 de 20 mm e uma bateria de mísseis 'Exocet'. Pode operar um helicóptero 'Panther' ou de outro tipo. Este navio da armada real de Marrocos (mái-lo «Mohammed V, seu gémeo) é uma das mais modernas e mais poderosas unidades da sua marinha militar, nela só sendo suplantada pela sua congénere, a fragata de última geração «Mohammed VI», de tipo FREMM, navio de projecto italo-francês e de construção gaulesa. O navio «Hassan II» esteve em Portugal no ano de 2013, no Arsenal do Alfeite (entre inícios de Setembro e meados de Outubro), onde se submeteu a trabalhos de reparação estruturais e mecânicos.

Sem comentários:

Publicar um comentário